Airbus entregou dia 31 de janeiro o helicóptero H145 ao operador Air Services aos Andes, empresa peruana especializada em serviços aéreos para a indústria energética e evacuações aeromédicas.

“Para a nossa empresa é muito importante ter um equipamento confiável e capaz de oferecer alto desempenho para condições típicas de regiões de altitude elevada”, disse Aurélio Fontenoy Luis Miranda, gerente geral da Air Services los Andes. “Nós temos uma experiência muito boa com os tês H125 da nossa frota e estamos animados para incorporar o H145 e sermos também pioneiros na operação no continente”.

O H145 ficará baseado em Cusco, onde no próximo 31 de março é esperado para estabelecer uma ponte aérea entre Cusco e Las Bambas, servindo ao grupo de mineração MMG/Las Bambas. O H145 realizará uma média de três rotações diárias com até nove passageiros a bordo e em condições extremas de operação. O trajeto será um vôo de cruzeiro de 35 minutos a mais de 4.200 metros de altitude, com decolagem a 3350 metros e desembarque a 3780 metros em temperaturas de até 20°C.

O H145 é o helicóptero mais potente em sua classe e incorpora inovações tecnológicas de última geração como o piloto automático de quatro eixos e os novos aviônicos Helionix da Airbus, projetados para oferecer maior flexibilidade na missão e melhorar a segurança de vôo. Seus novos motores Ariel 2E são 20% mais potentes do que a versão anterior e estão equipados com canal de controle digital FADEC duplo, o que dá maior segurança e funcionalidade em todos os tipos de terreno e condições. Desde a sua primeira entrega, em Julho de 2014, mais de 60 H145 já entraram em operação e acumularam mais de 18.000 horas de vôo.

(9)